France Is Rocked by a Sexual Relationship Between a 14 Year Girl and 50 Year Old Writer

Os círculos literários na França estão ansiosos com um novo livro que provavelmente será publicado no início do próximo ano. A autora do livro é Vanessa Springora, que dirige uma editora francesa. Ela acusou o escritor francês de 83 anos Gabriel Matzneff de abuso infantil em seu livro. O livro levantou controvérsias sobre as atitudes da elite francesa e do mundo literário em relação aos pedófilos. O Guardian informou que o autor francês tem agora 83 anos e negou as acusações.

Sedução

Vanessa Springora tem agora 47 anos.

Ela está escrevendo sobre eventos que aconteceram muitas décadas atrás, quando ela tinha apenas 14 anos. Ela afirma em seu livro que ela foi “preparada” por Gabriel Matzneff quando ela era menor. O livro “Le Consentement (Consentimento)” será publicado na próxima semana. A atenção ao livro foi mais pronunciada desde que surgiram acusações contra Harvey Weinstein, o produtor de filmes de Hollywood, em 2017.

Vanessa é muito sincera em seu livro, deixando claro que não houve coerção envolvida. Ela acrescenta que não pode negar que consentiu com um homem que era 36 anos mais velho que ela.

Ela continua dizendo que todo o episódio deve ser visto na perspectiva adequada, pois ela tinha apenas 14 anos e seus pais estavam passando por um divórcio difícil quando Gabriel Matzneff a solicitou. Ele estaria esperando por ela no portão da escola e depois a levaria para um hotel. Antes disso, ele a seguia e escrevia cartas. Segundo o escritor, Matzneff a levaria a um hotel, para despistar as autoridades, pois havia dúvidas sendo levantadas sobre seu relacionamento com uma jovem.

O livro

O livro não é uma autobiografia, mas toda a história é apresentada na forma de um romance. Ela não diz o nome do escritor, mas apenas se refere a ele por suas iniciais GM. Não há dúvida, porém, de que ela se refere ao escritor Matzneff, hoje com 83 anos. O Telegraph informou que Matzneff ganhou muitos prêmios de prestígio durante sua carreira de escritor, embora tenha reconhecido ter um relacionamento com menores, incluindo meninos nas Filipinas.

A influência do escritor é evidente, pois todo o mundo literário ignorou suas ações. Matzneff havia declarado publicamente na TV francesa muitas vezes que se sentia atraído por meninas e adolescentes. Ele havia discutido seu relacionamento com garotas que tinham mais de 15 anos, já que na França a idade de consentimento é 15. Essa provavelmente foi a razão pela qual Matzell teve o cuidado de mencionar que as garotas que entraram em sua vida eram todas acima dessa idade.

A atitude de Matzell pode ser aferida pelo fato de ele ter escrito uma carta aberta pedindo a libertação de três homens que estavam em prisão preventiva e acusados ​​de relacionamento com meninos de 13 e 14 anos.

Naquela época, até escritores famosos como Jean-Paul Sartre e Simon de Beauvoir apoiaram essa ação.

Matzell

Matzell expressou sua “tristeza” com o conteúdo do livro. Ele sente que o objetivo do escritor é depreciar seu trabalho e prejudicar sua reputação. O fato é que o mundo literário francês da época não considerava imoral ter um relacionamento com adolescentes e por isso não se falava muito sobre tais relacionamentos. Bernard Pivot, que era um crítico e jornalista célebre na época, afirmou que os tempos mudaram e o que era moral então agora é considerado tabu.

Um exemplo é de S Marin, que agora é a primeira-ministra da Finlândia e a mudança de moralidade aceitou que ela pode ser uma líder apesar de ter um filho fora do casamento.

About admin

Check Also

A Promise to Persevere by Michael Miller – Book Review

Michael Miller nasceu na pobreza e permaneceu lá – rebelde, sem educação e quase sem …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *